sábado, fevereiro 28, 2015

Em defesa da Região Metropolitana do Sudoeste da Bahia

(Foto: José Silva - abril de 2011 / Distrito Industrial de Vitória da Conquista)

A falta de representatividade política, até então, de Vitória da Conquista na Assembleia Legislativa, assim como, na Câmara dos Deputados, faz com que investimentos importantes não cheguem para a nossa cidade. Recentemente, o deputado estadual Augusto Castro (PSDB) apresentou um projeto de lei que trata sobre a Região Metropolitana do Sul da Bahia, projeto este que recebeu elogios por parte do deputado petista Zé Raimundo. 

Não consigo entender como uma região tão importante como a nossa, que possui uma população correspondente a 2 milhões de pessoas, ainda não foi alvo da boa vontade dos deputados que afirmam trabalhar por ela. Transformar o sudoeste baiano numa Região Metropolitana significa que teremos um maior desenvolvimento socioeconômico para todos os municípios integrados. Por qual razão isso não mobiliza os nossos representantes políticos?

O Estado da Bahia possui apenas duas Regiões Metropolitanas, a de Salvador e a de Feira de Santana. Enquanto que a Paraíba tem 12 Regiões Metropolitanas representando uma força na economia muito maior do que a média nacional. Com a mentalidade atual daqueles que nos governam continuaremos com uma economia precária e com uma redução alarmante no número de postos de trabalho.

Cabe aos Estados da Federação regulamentar à criação de uma Região Metropolitana, por isso, é necessário que os deputados estaduais estejam comprometidos com essa causa. Enquanto os políticos que representam a nossa região não se mobilizarem, assumo o compromisso de defesa da Região Metropolitana do Sudoeste da Bahia.

Ivan Cordeiro - presidente do Movimento Amigos de Conquista.
-

Nenhum comentário: